sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

TERRA MOLHADA



O cheiro da terra molhada
vai entrando pelos poros,
ficam presos
na alma da gente.
Os pingos da chuva,
presos no ar,
brilham como estrelas,
deixando seus raios
colados em nossas roupas.
Seu peito suado,
cheirando a terra molhada,
misturando-se ao brilho
da chuva gelada.
Seus olhos acendem
como relâmpagos
deixando cair
um resto de vida
na terra molhada...





Publicada no Cardápio de Amor